Antoine Laurent Lavoisier (1743 – 1794)

Antoine Laurent Lavoisier (1743 – 1794)


 Antoine Laurent Lavoisier nasceu dia 26 de agosto de 1743 em Paris. Lavoisier era filho de um rico negociante, ficou órfão da mãe quando ainda era novo, por isso foi criado pelo pai e pela tia. Ele estudou direito, porém a sua área de interesse era na carreira científica. Estudou no colégio Mazarin, para depois começar a cursar Química, Matemática, Física Experimental e Astronomia.

 Aos 22 anos ele ganhou uma medalha de ouro da Academia de Ciências pelo projeto de iluminação para as ruas de Paris e aos 25 anos ele foi eleito membro da Academia Real de Ciências da França. Ainda aos 25 anos, Lavoisier tomou uma decisão de se tornar cobrador de impostos de Paris, simultaneamente realizando suas pesquisas científicas.

 Lavoisier é famoso por dizer: “Nada se cria, nade se perde tudo se transforma”. Esse princípio é resultado de experiências com o oxigênio. Ele descobriu que o oxigênio tinha grande importância, na respiração, na oxidação e nas reações químicas. Em 1774, o químico francês realizava experiências sobre a combustão e a calcinação de substâncias, ele observava que sempre resultavam óxidos cuja massa era maior que a das substâncias originais.

 Informado sobre as características do gás que ativava a queima de outras substâncias, passou a fazer experiências com o mesmo e acabou por deduzir que a combustão e a calcinação nada mais eram que o resultado da combinação do gás com as outras substâncias. E que a massa aumentada dos compostos resultantes correspondia à massa da substância inicialmente empregada, mais o do gás a ela incorporado através da reação.

 Antoine Lavoisier conhece Marie Anne, uma jovem que tinha metade de sua idade. Logo estavam casados e Marie torna-se sua secretária e assistente. Ela fazia desenhos para os livros do marido.

 Em 1793, por haver rejeitado um tratado químico submetido por Jean-Paul Marat, à Academia de Ciência, foi denunciado e acusado de fraude, foi preso junto com o sogro e todos os coletores de impostos, os “Fermiers Generaux”.

 Antoine Laurent Lavoisier foi guilhotinado em Paris, no dia 8 de maio de 1794 aos 51 anos e jogado na vala comum. Em 1796, o governo francês providenciou um funeral de honra, em louvor ao grande cientista.

Texto por: Mariana G. Fabiani

 Referências:

Biografia de Antoine Lavoisier. Disponível em:  <https://www.ebiografia.com/antoine_lavoisier/>. Acesso em: 18 de novembro de 2016.

Lavoisier: Vida Obras e Descobertas. Disponível em: <http://www.canalciencia.ibict.br/personalidades_ciencia/Antoine_Lavoisier.html>. Acesso em: 18 de novembro de 2016.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *