Hipersuperfícies de curvatura média constante e a harmonicidade da aplicação de Gauss
Petiano: Vilson Fabricio Juliatto
Orientador: Prof. Ms. Lindemberg Sousa Massa
Resumo: O trabalho consistiu, num primeiro momento, em um estudo introdutório de Geometria Diferencial e Geometria Riemanniana, disciplinas de fundamental importância para a Matemática e Física Teórica modernas, mas raramente abordadas na graduação. Em seguida procedeu-se ao estudo de tópicos mais avançados, em particular resultados publicados recentemente que estendem a grupos de Lie e variedades homogêneas certos teoremas ligando a constância da curvatura média de uma hipersuperfície à sua aplicação de Gauss, anteriormente válidos somente no espaço euclidiano.


Síntese, Caracterização física e ensaios citológicos de nanopartículas magnéticas de Óxido de Cobalto e Ferrita de Cobalto
Petiano: Mahamud Hussein El Farou
Orientador: Dr. Ricardo Y. Miyahara (DEFIS)
Resumo: Materiais com propriedades magnéticas podem oferecer uma grande quantidade de aplicações, e fazem parte de um dos campos mais férteis e ativos de pesquisa em Física da Matéria Condensada. São amplamente aplicados na busca por tecnologias, desde o emprego de imãs permanentes em dispositivos eletromagnéticos (computadores, motores elétricos) até sensores ultra-sensíveis com possíveis aplicações na medicina. Hoje, existem diversos estudos baseados nas aplicações de nanopartículas magnéticas. A ferrita de cobalto, por exemplo, tem despertado um grande interesse, visto a sua biocompatibilidade em alguns casos. Essa biocompatibilidade proporciona sua aplicação no tratamento de câncer, isoladamente ou na presença de fármacos específicos. Sendo assim, são propostos os seguintes objetivos: (1) Produzir nanopartículas de óxido de cobalto e ferrita de cobalto, via Método de Pechini; (2) Caracterizar o material produzido através de diferentes técnicas de caracterização (Difração de Raios X, Magnetometria de Amostra Vibrante e Microscopia Eletrônica de Varredura); (3)Realizar ensaios citotóxicos com o material obtido.


Avaliação da atividade antitumoral das nanopartículas dos compostos mer-[RuCl3(dppq)(Vpy)] (Vpy=4 Vinilpiridina) RuVPy
Petiana: Janaina Schardosin
Orientadora: Dr. Tania T. Tominaga (DEFIS)
Resumo: Com intuíto de diminuir a citotoxidade do complexo de Rutênio na forma mer-[RuCl3(dppq)(VPy)] (VPY=4-Vinilpiridina) RuVPy foram desenvolvidas duas formulações de nanopartículas, PLA-PVA e PLA-Polisserbato, pela técnica de emulsão-evaporação do solvente. Notou-se que a formulação que melhor formou as partículas foi a de PLA-PVA, resultando em partículas de tamanho médio de 287nm e com percentual de nanocapsulação de praticamente 100%. No entanto, para que fosse possível o preparo destas, foi necessário fazer a caracterização química do complexo RuVPy, o que levou a obter um coeficiente de extinção molar para cada solventes orgânicos utilizado, diclorometano (2000 M-1cm-1) e acetato de etila (2500 M-1cm-1). Com essa caracterização também foi possível determinar a estabilidade do complexo RuVPy em função do tempo, o que mostrou que este se mantém estável por 48 horas. Com o preparo das nanopartículas foi observado que este complexo se transforma quando exposto a energias ultra-sônicas mudando sua coloração de vermelho para verde-azulado, o que levou a iniciar um novo estudo do complexo formado.


Simulação de Influência de Espalhamentos Multiplos no Background de Espectros de Fluorescência de Raios X
Petiano: Rafael Mateus Feliczaki
Orientador: Prof. Dr. Fábio Luiz Melquiades
Resumo: Trata-se de simulações computacionais de fluorescência de raios X (XRF) com o objetivo de estudar a influencia da umidade na amostra nos espectros. A XRF é uma técnica analítica fundamentada na interação da radiação com a matéria. Entre suas vantagens estão a portabilidade, análise não destrutiva, rapidez e baixo custo. A umidade da amostra é um grande fator de erro, especialmente para análises em campo, assim técnicas de correção do espectro são necessárias para a obtenção de resultados mais precisos. Simulações computacionais de XRF podem fornecer informações sobre a técnica de diversas maneiras, como a previsão rápida de espectros para diversas composições de amostra.


Avaliação do Processo Ensino-Aprendizagem de Física sob Perspectiva dos Alunos, Professores e Equipe Pedagógica de Escolas de Guarapuava, PR.
Petiana: Jacieli Fatima Lyra
Orientador: Prof. Dr. Ricardo Y. Miyahara
Resumo: (Não informado)


Caracterização por Fluorescência de Raios X de Perfis de Rocha do Rio Bonito
Petiana: Lohane Tech
Orientador: Prof. Dr. Fábio Luiz Melquíades.
Resumo: A distribuição dos elementos químicos na superfície terrestre tem sido alvo de diversos estudos com diferentes motivações: mapeamento de rochas, regolitos e solos; exploração mineral; entendimento do comportamento dos elementos nos diversos processos naturais e/ou antrópicos; entendimento da natureza e dos impactos causados pelo homem através do conhecimento da dinâmica dos elementos; procura por aplicações em ciências ambientais; além de outras. O objetivo geral do projeto foi caracterizar e classificar um perfil de rocha da formação Rio Bonito segundo a análise geoquímica, fazendo uso da técnica de fluorescência de raios X. Do ponto de vista geológico, pretende-se analisar as possíveis relações entre as distribuições de concentrações e os processos formadores das rochas em questão.


 Medida de distribuição de K, Th e U em um perfil de rocha da formação Rio Bonito
Petiano: Sandro da Silva Santos
Orientador: Dr. Rodrigo O. Bastos
Resumo: (Não informado)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *