Henri Poincaré (1854 – 1912)

Henri Poincaré (1854 – 1912)

Jules Henri Poincaré nasceu em 29 de Abril de 1854 em Nancy, na França. Foi filho de uma família influente, sendo que seu pai foi um professor de medicina na Universidade de Nancy e seu primo foi um político. Em 1862 ingressou no Liceu em Nancy, sendo posteriormente rebatizado como Liceu Henri Poincaré. Passou 11 anos no Liceu, se tornando um dos alunos mais destacados da época. Se graduou em 1871 com o grau de bacharel em letras e ciências.

Poincaré ingressou na École Polytechnique em 1873. Ele estudou matemática, tendo sido aluno de Charles Hermite, continuou se sobressaindo e publicou seu primeiro trabalho (Novas demonstrações de propriedades indicadoras de uma superfície) em 1874. Graduou-se em 1876 e continuou os seus estudos na École des Mines, aprofundando-se na matemática concomitantemente com sua carga de estudo em Engenharia de minas, recebendo o grau de engenheiro em março de 1879.

Poincaré estava se preparando para seu doutorado em ciências da matemática sob supervisão de Charles Hermite. Sua tese de doutorado foi no campo das equações diferenciais. Poincaré delineou uma nova maneira de estudar as propriedades destas funções. Ele não somente abordou a questão da determinação das integrais de tais equações, mas também foi a primeira pessoa a estudar suas propriedades geométricas gerais. Ele concluiu que elas poderiam ser usadas para modelar o comportamento de múltiplos corpos em movimento livre dentro do sistema solar.

Logo a seguir, ele foi professor de matemática na Universidade de Caen. Porém ele nunca abandonou completamente sua carreira de minerador para a matemática. Ele trabalhou no Ministério de Serviços Públicos como um engenheiro na preparação da rodovia noroeste de 1881 a 1885, e tornou-se eventualmente engenheiro chefe da Brigada de Mineiros em 1893 e inspetor-geral em 1910.

Em 1887, com 32 anos, Poincaré foi eleito para a Academia Francesa de Ciências, da qual se tornou o presidente em 1906, e foi eleito para a Academia Francesa em 1909.

Poincaré contribuiu também para a eletricidade, eletromagnetismo e movimento do elétron. A associação das ideias de espaço não-euclidiano, com suas pesquisas em eletromagnetismo e mecânica celeste, leva alguns historiadores a considerarem que Poincaré teria introduzido os princípios básicos da relatividade antes de Einstein. O principal aspecto da relatividade é considerar um espaço não-euclidiano, em que a curvatura é importante (num plano, em que o espaço é euclidiano, a curvatura é nula; numa esfera, é positiva e num espaço hiperbólico, é negativa) e modifica a distância entre dois pontos. Utilizando as ideias de multiplicidade de Riemann, Poincaré foi o primeiro a introduzir a ideia de preencher tal multiplicidade por uma sequência de regiões compactas e obter o mapeamento por um processo de limite.

Em 1912 Poincaré submeteu-se a uma cirurgia devido a um problema e consequentemente morreu de uma embolia em 17 de julho de 1912, aos 58 anos. Foi enterrado no mausoléu da família Poincaré no Cemitério de Montparnasse, Paris. O então Ministro da Educação Francês, Claude Allègre, propôs em 2004 que Poincaré fosse exumado e enterrado no Pantheon em Paris, o qual é reservado a cidadãos franceses que prestaram grandes serviços à nação.

Texto por: Mariana Gabriela Fabiani

Referências:

DA SILVA, A.P.B. Jules Henri Poincaré. Disponível em:<http://www.ghtc.usp.br/Biografias/Poincare/Poincare3.html>. Acesso em 21 de junho de 2018.
DESCONHECIDO. Biografia de Henri Poincaré. Disponível em: <http://biografiaecuriosidade.blogspot.com/2014/04/biografia-de-henri-poincare.html>. Acesso em 21 de junho de 2018.

Imagem adquirida em: <https://www.vestibular.com.br> Acesso em 21 de junho de 2018.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *