OLIVEIRA, F. M.; MIYAHARA, R. Y.; MELQUIADES, F. L.; GONZÁLEZ-BORRERO, P. P. Caracterização óptica e térmica da argila vermelha bentonita. In: XII Semana de Estudos de Física e II Simpósio de Física da Unicentro, 2014, Guarapuava – PR. Anais da XII Semana de Estudos de Física e II Simpósio de Física da Unicentro, 2014.

Título: Caracterização óptica e térmica da argila vermelha bentonita.

Resumo: Neste trabalho foram investigadas as propriedades ópticas e térmicas de amostras de argila vermelha bentonita proveniente da região de Prudentópolis/PR, em função da temperatura de sinterização. Para a caracterização do comportamento térmico da argila bentonita foram empregadas simultaneamente três técnicas termoanalíticas: Termogravimetria, Calorimetria Exploratória Diferencial e Análise Térmica Diferencial, no intervalo de 25°C a 1200°C em atmosfera de nitrogênio. As propriedades ópticas de absorções eletrônicas das amostras tratadas termicamente foram estudadas por meio da técnica de Espectroscopia Fotoacústica, na região do ultravioleta ao infravermelho próximo. Visando correlacionar os resultados obtidos entre a temperatura de sinterização e o sinal fotoacústico foi empregada a técnica de Análise Multivariada por meio da análise de componentes principais.

OLIVEIRA, F. M.; MIYAHARA, R. Y.; GONZÁLEZ-BORRERO, P. P. Determinação das transições eletrônicas de íons de Fe (II) e Fe (III) em argilas utilizando a Espectroscopia Fotoacústica e a Teoria do Campo Ligante Cristalino. In: XIX Semana de Iniciação Científica da Unicentro, 2014, Guarapuava – PR. Anais da XIX Semana de Iniciação Científica da Unicentro, 2014.

Título: Determinação das transições eletrônicas de íons de Fe (II) e Fe (III) em argilas utilizando a Espectroscopia Fotoacústica e a Teoria do Campo Ligante Cristalino.

Resumo: Neste trabalho, a técnica de Espectroscopia Fotoacústica (PAS) foi empregada no estudo de amostras de argila de regiões do estado da Paraíba e da cidade de Prudentópolis – PR. A partir da deconvolução por gaussianas do espectro fotoacústico foram obtidas as correspondentes bandas de absorção. As bandas foram associadas às transições eletrônicas dos íons de Ferro (II) e Ferro (III), pertencentes aos complexos tetraédricos e octaédricos que compõem a estrutura molecular das argilas. Estas associações foram confirmadas utilizando-se a Teoria do Campo Ligante Cristalino (TCLC), por meio dos diagramas de energia para as configurações eletrônicas 3d5 para os íons de Fe (III), e 3d6 para os íons de Fe (II).

  • 2013

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *