Campus Cedeteg entrega quatro laboratórios reformados à comunidade universitária

Campus Cedeteg entrega quatro laboratórios reformados à comunidade universitária

Para comemorar o aniversário de 29 anos da Unicentro, neste mês de junho, o campus Cedeteg realizou a entrega das reformas dos laboratórios didáticos do Departamento de Química e, também, do Laboratório de Microbiologia, ligado ao Departamento de Ciências Biológicas. Esses espaços de ensino são utilizados por quase todos os cursos lotados no campus, tendo em vista que disciplinas como Química Geral e Microbiologia integram as grades curriculares da maioria das graduações nas áreas de ciências exatas e de tecnologia, agrárias, ambientais e da saúde.

A entrega dos espaços revitalizados, de acordo com o diretor do campus Cedeteg, professor Fábio Hernandes, é motivo de comemoração, tendo em vista a necessidade das reformas. “Os nossos laboratórios de Química estavam em situação bastante complicada e as aulas práticas estavam ocorrendo em espaços insalubres, onde os alunos estavam expostos, os professores também. Então, com essa revitalização, com essas reformas, nós conseguimos minimizar esses problemas”, afirma.

A reforma nos Laboratórios Didáticos de Química foi possibilitada por recursos provenientes do Termo de Cooperação 88/2014, da então Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, no valor total de 100 mil reais. Com esse recurso foram realizadas as reformas das capelas de exaustão, das bancadas e das instalações elétricas dos laboratórios. Para complementar, a Unicentro custeou com recursos próprios serviços de marcenaria, materiais de construção, regentes e vidrarias, que totalizaram 20 mil reais. As mudanças no espaço devem garantir conforto e segurança para as práticas didáticas.

“Hoje, as nossas capelas estão com aberturas da forma correta. As nossas aulas estão ocorrendo em bancadas com revestimentos. Então, essa revitalização, com certeza, trouxe mais segurança aos nossos alunos, às nossas aulas práticas, também um ambiente mais confortável, um ambiente mais agradável, mais claro – haja vista que também foram pintados. Tiramos as cortinas e colocamos insulfilme também por motivo de segurança. Então, essa revitalização, com certeza, trouxe mais segurança e um ambiente melhor para as nossas aulas”, avalia Fábio.

Laboratórios foram reformados com recursos da Seti e da própria Unicentro (Foto: Coorc)

No total, foram quatro os espaços do Departamento de Química reformados: o Laboratório de Química Geral e Inorgânica; o Laboratório de Química Orgânica; o Laboratório de Química Analítica; e o Laboratório de Físico-Química. Para o chefe do Departamento, professor Ricardo Celeste, a revitalização deve motivar alunos e professores no desenvolvimento das atividades.“Com essa reforma, melhora para os alunos o espaço físico em si para a execução das aulas experimentais, melhora a segurança dos alunos porque um dos itens que foi reformado são as capelas de exaustão, que retira gases de dentro do laboratório. Então, melhora a questão de segurança, de salubridade. Acho que, no geral, é muito importante. A gente também tinha problemas com a parte de mobília dos laboratórios que foram reformadas. Então, isso vai dar para a gente um fôlego de mais alguns anos com os laboratórios funcionando de maneira bem adequada”.

Já a reforma e a troca do mobiliário do Laboratório de Microbiologia, do Departamento de Ciências Biológicas, foram realizadas com recursos próprios da Universidade. As obras tiveram um custo estimado de 10 mil reais e com a conclusão delas, de acordo com a professora Patrícia Giloni, chefe do Departamento, a expectativa é agregar qualidade ao trabalho desenvolvido. “O Laboratório de Microbiologia, dentre os laboratórios, era o que mais precisava, digamos assim, de reforma. Para os alunos, é de um ganho imenso porque a gente tem um espaço mais amplo, as bancadas são extremamente versáteis para atividades da aula”.

O superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Aldo Nelson Bona, participou da cerimônia de entrega das obras no campus Cedeteg. Na ocasião, ele assinou os termos de compromisso e de intenção de convênio a serem firmados entre a Unicentro e a Seti. De acordo com Bona, a previsão é que 304 mil reais sejam destinados à Unicentro para a aquisição de microscópios e equipamentos de informática.

“É um esforço que a gente tem feito no âmbito do governo do estado, que se atenda as questões mais urgentes e emergentes para evitar a repercussão de prejuízo aos estudantes. E a demanda aqui eu conheço a sua antiguidade, a necessidade da aquisição de microscópios e também de um Laboratório de Informática que atenderá a todos os cursos do campus. Com o montante total de recursos foi possível enquadrar, dentro de um rearranjo na Unidade Gestora do Fundo Paraná, os 304 mil necessários e assinamos, hoje, esse termo de cooperação, que traz a perspectiva de benefícios futuros para estudantes de vários cursos”, explica Bona. 

Para o reitor da Unicentro, professor Osmar Ambrósio de Souza, a inauguração de espaços como forma de comemorar o aniversário da universidade já é uma tradição que tem por objetivo proporcionar melhores condições de trabalho e estudo à toda a comunidade acadêmica. “É muito importante essas inaugurações, reformas e ampliações que a universidade faz para oferecer aos alunos melhores condições de curso, de laboratório, de atividades no âmbito da universidade. O grande beneficiado é o aluno”.

Avatar

Deixe uma resposta