Participação da Unicentro na Inventum foi um sucesso

Participação da Unicentro na Inventum foi um sucesso

Ideias inovadoras por todos os cantos. Atrações e exposições que chamavam a atenção do público de todas as idades. A Inventum, a Feira de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pato Branco, mais uma vez, cumpriu seu objetivo de aproximar a comunidade do ambiente tecnológico. Neste ano, foram programadas mais de 50 atrações para receber os visitantes. Durante os seis dias de feira, mais de 100 mil pessoas passaram pelos estandes.

Pela primeira vez, a Unicentro participou da Inventum. No estande reservado à universidade, os visitantes puderam conhecer um pouco mais sobre o trabalho realizado pelos estudantes e professores da instituição.”Nós trouxemos uma pequena parte lá do Museu de Ciências Naturais, que corresponde a área da entomologia – três animais taxidermizados, mais um réptil, uma cobra no álcool que, em tese, seria para as crianças que se inscreveram nas atividades poderem manusear ela”, conta o professor Maurício Camargo, do Departamento de Geografia.

As peças do Museu de Ciências Naturais da Unicentro chamaram a atenção de quem passou pelo espaço. Andressa Xavier, por exemplo, gostou do que encontrou no estande. “Eu achei muito interessante. Eu acho que esse trabalho é muito bonito, os insetários que fazem… Eu achei muito interessante estarem trazendo e expondo, porque aqui na região não são muito conhecidas as universidades em si e esse é um trabalho muito legal que a feira faz pela gente, de informar a comunidade dos cursos que têm nas universidades”.

Outra atração do estande da Unicentro foi a Sand Box – um equipamento que foi adaptado por professores e estudantes do curso de Geografia para demonstrar estudos de relevo e topografia. Na projeção, como explica a acadêmica Letícia Chulek, cada cor indica um nível de altitude. “Ele mede a altura que está a areia, que é uma areia normal, areia branca, bem umedecida para a gente conseguir fazer os relevos mais fácil, ele mede essa altura e transmite essa informação e com isso vêm as luzes certinhas”. Marisa Duda, também estudante do curso de Geografia, completa: “A altitude mais alta vai ser representada pela cor vermelha. Azul altitude mais baixa e verde áreas planas”.

Outros equipamentos usados no curso de Geografia, como o Geo Radar, também foram trazidos para a exposição.”Com base nele, a gente consegue fazer a análise de algumas áreas ,e com base na antena que ele possui também, a gente consegue fazer análise em algumas profundidades diferentes. A gente consegue achar a galerias e fazer análise de algumas áreas como meio de florestas”, explica Milena Ribeiro, também aluna da Unicentro.

Quem passou pelo estande também pode conferir ainda algumas atividades da área da Física, que podem ser utilizadas como experiências didáticas. Quem exemplifica pra gente é o estudante do curso, Israel Sandrino. “O disco de Newton trabalha a questão da óptica, da sobreposição das cores, dando aquela ideia de que a cor branca, a luz branca é nada mais que a junção de todas as cores. Então, fica um pouco mais fácil de visualizar através de experimentos com a prática”.

Aldo Bona, Osmar Ambrósio e Ratinho Júnior visitam o estande da Unicentro (Foto: Coorc)

E se a intenção era tornar a nossa universidade conhecida, o objetivo foi alcançado. “Para nós, é muito importante para conhecer, saber como funcionam os campi, as possibilidades de cursos para a gente conseguir encontrar uma carreira também, e saber que aqui no Paraná mesmo a gente tem universidades com grandes potenciais”, diz o visitante Eliéser Fachin. Dymitra Nilson concorda: “É legal porque a gente conhece um monte de faculdade diferente, que talvez a gente goste e se identifique”.

A Unicentro também participou da Corrida Maluca, uma das atrações da Inventum. A competição consiste na criação e montagem de carros de rolamento que devem ser capazes de realizar manobras em pista asfaltada, com curvas e pequenas rampas. Já nessa primeira participação, a nossa universidade foi a vencedora da categoria Livre, com um carrinho desenvolvido por estudantes e professores dos cursos de graduação e pós-graduação em Geografia. “O que ficou marcado foi a parceria tanto dos professores, o auxílio, os alunos, os colegas juntos para desenvolver o projeto do carrinho, do Geo Car e conseguir correr aqui, conseguir ser agraciado aí com esse troféu já de primeira vez”.

A Unicentro, de acordo com o Ranking Universitário da Folha de São Paulo, foi considerada a 18ª universidade mais inovadora do Brasil. A participação na Inventum, segundo o reitor da instituição, professor Osmar Ambrósio de Souza, reforça o comprometimento da instituição com o desenvolvimento inovador e tecnológico. “A Unicentro tem uma característica de inovação, ela tem se classificado entre as 20 melhores do país em inovação e é esse o perfil que está se desenhando para a universidade, um perfil de futuro mesmo da Unicentro como uma universidade muito focada na inovação tecnológica”.

Avatar

Deixe uma resposta