Classe social, raça, etnia e gênero em discussão na Jornada de Serviço Social

Classe social, raça, etnia e gênero em discussão na Jornada de Serviço Social

O Departamento de Serviço Social da Unicentro, em parceria com o Núcleo e com o Conselho Regional de Serviço Social de Guarapuava, promoveu a 16. edição da Jornada de Estudos em Serviço Social e, concomitantemente, o 6. Fórum de Estágio em Serviço Social. Com o tema “Classe social, raça, etnia e gênero”, o evento proporcionou aos acadêmico, de acordo com a chefe do Departamento, professora Solange Fiuza, experiências do trabalho que irá desenvolver depois que sair da universidade.

Trazer o debate com profissionais de fora para oportunizar aos nossos acadêmicos do curso, aqui da Unicentro, ter essas experiências de dialogar com outros profissionais e, também, ter a oportunidade de estar debatendo, refletindo sobre questões do nosso cotidiano profissional”, conta Solange.

A Jornada contou com palestras como a ministrada pela professora Ângela Maria de Souza, da Unila, que é a Universidade Federal da Integração Latino-Americana. Para ela, os temas da Jornada desse ano são determinantes para o trabalho do assistente social. “Eu considero fundamental a proposta da Jornada e da discussão dessa temática que envolve questões que são determinantes para pensar o Serviço Social. Não tem como nós não pensarmos sobre essas questões no trato com a população, na forma que como lidamos, desde a pessoa no dia a dia até a formulação, por exemplo, de políticas públicas pela gestão”, defende a palestrante.

Palestras foram acompanhadas por estudantes e, também, por profissionais da área (Foto: Coorc)

A estudante Nayara Eduarda Teleginski Meira concorda com a professora Ângela e complementa. “É de grande importância pelo atual momento que a gente vive, tanto no âmbito profissional, do desmonte de direitos que vem acontecendo, porque a jornada ela atinge não só o público da universidade, mas os profissionais e também o pessoal da sociedade que participa”. 

A também estudante de Serviço Social Jhennifer Aparecida Lopes participou da Jornada em busca de dar mais consistência a sua formação. “Em todos os eventos, a equipe costuma trazer temas bem atuais para discutir. E todos os temas escolhidos para esse ano e os palestrantes que vem também, eles contribuem muito para nossa formação”.

Avatar

Deixe uma resposta