Unicentro repassa, através da Unati, máscaras de tecido para SOS

Unicentro repassa, através da Unati, máscaras de tecido para SOS

A Unicentro, desde os primeiros registros de casos confirmados de coronavírus no Brasil, tem buscado atuar junto a sociedade em ações que visam a prevenção e o combate ao covid-19. Um exemplo é a produção de máscaras de tecido. Elas são confeccionadas, de casa, pelas participantes da Unati (Universidade Aberta a Terceira Idade) a partir de matéria-prima adquirida pela Clínica de Órtese e Prótese. O material usado são mantas cirúrgicas estéreis. Suas características permitem que as máscaras sejam lavadas e reutilizadas. No total, desde o início de abril, quando a costura das máscaras começou, já são 2.700 unidades. Desse montante, 100 foram separadas e entregues ao SOS, o Serviço de Obras Sociais, uma instituição de longa permanência de idosos de Guarapuava.

“A iniciativa foi da própria Unati. Por se tratar de uma instituição de longa permanência de pessoas idosas, entendemos que também nosso gesto de solidariedade deveria se estender aquela instituição. Aí, consultamos a direção e nos foi informado que eles teriam necessidade. Então, foram entregues as máscaras atendendo essa necessidade da instituição”, conta Maria Regina Vargas, coordenadora da Unati, para complementação do coordenador do SOS, Leônidas Ribas. “As máscaras foram bastante úteis aqui para a entidade, estão sendo bastante úteis”.

O SOS tem capacidade para 40 idosos mas, no momento, são 31 os atendidos. Desde o início da pandemia, a entidade vem adotando todas as medidas de prevenção recomendadas pela Organização Mundial da Saúde e pela Secretaria Municipal de Saúde de Guarapuava. “Graças a Deus, durante toda essa pandemia, não tivemos nenhum problema aqui. As visitas aqui na entidade, por determinação médica, estão suspensas. Nós atendemos todas as pessoas na portaria”, conta o Ribas.

Iniciativa da Unati vai beneficiar os idosos atendidos pelo SOS (Foto: arquivo pessoal)

A iniciativa da Unati levou a outra ação em prol do SOS pela Unicentro. A Crie, que é a Central de Relacionamentos Institucionais, separou 40 frascos de álcool-gel, que serão entregues à entidade nessa quinta-feira. “Esse álcool-gel nós recebemos do Grupo O Boticário, que reconhecendo o trabalho que a Unicentro vem fazendo durante a pandemia, nos entregou um lote do produto para que a universidade organizasse o repasse”, conta o diretor da Crie, professor Marcio Fernandes.

Ações que, segundo o coordenador do SOS, contribuem para que a entidade ofereça um atendimento mais seguro aos idosos lá abrigados. “Mais uma vez eu queria, em nome da diretoria do SOS, em nome das irmãs e dos idosos, agradecer a generosa doação e dizer que o SOS sobrevive graças a generosidade da nossa comunidade e do poder público municipal, que muito nos ajudam a fim de que nós possamos dar continuidade ao atendimento aos idosos desamparados que nós atendemos”.

Para Maria Regina, as ações têm mão dupla, na medida em que todos são beneficiados, de algum modo, durante o processo. “É um dos objetivos da Unati, também, envolver os idosos em projetos de solidariedade”.

Avatar

Deixe uma resposta